#compartilhe

Autores de impeachment não comprovam supostos crimes de Dilma

Publicada em 29/04/2016, 17:16

Full 26637917641 536c67dea8 o 323x172

Uma das autoras do pedido de impeachment contra a presidenta Dilma Rousseff, a advogada Janaína Paschoal afirmou, nesta quinta-feira (28), que os senadores não estão submetidos ao Supremo Tribunal Federal (STF), nem à Câmara, ao analisar a peça aprovada pelos deputados. Junto com Miguel Reale Jr., ela não conseguiu demonstrar a existência de crime de responsabilidade que justificasse a saída de Dilma do cargo.

A advogada disse que o Senado não deve se ater aos créditos suplementares e ao repasse ao Plano Safra ao julgar o processo, contrariando a decisão do STF de que o processo de impeachment deveria se debruçar apenas a esses dois elementos da acusação.

“O que a doutora está falando é que temos que desconhecer tudo o que o Supremo decidiu, podemos fazer o que quiser”, sintetizou a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR). “Então, temos que desconhecer a Câmara, que votou a denúncia, embora com a barbaridade de falar de tudo o que é assunto para justificar, mas o Supremo fez a delimitação do objeto. Temos que seguir o Supremo”, completa.
Mesmo considerando os dois elementos delimitados pelo STF, os autores do pedido de impeachment não foram capazes de demonstrar a ocorrência de crime de responsabilidade por parte de Dilma. “Temos que discutir aqui a denúncia da presidenta da República. Crime, tipicidade, se teve conduta, se teve dolo”, afirmou o senador Lindbergh Farias (PT-RJ). “Com todo respeito, mas o senhor falou de política, falou de crise econômica, mas não se ateve aos fatos.”

Lindbergh criticou a mistura de conceitos essenciais do Direito por parte de Reale Jr. Isso porque os decretos de créditos suplementares respeitaram a legislação brasileira e se destinaram à realização de benefícios à população. “São erros conceituais que tem a denúncia”, afirmou o senador.

“O senhor fala sobre superávit e excesso de arrecadação. Professor, esse excesso de arrecadação não é do governo federal, é um rubrica específica. Por exemplo: Justiça Eleitoral teve um concurso e muitos inscritos, então, ganhou um recurso e queria utilizar esse recurso adicional. Ela pediu um decreto de suplementar. Sabe outro exemplo? Hospital universitário.”
Além disso, Lindbergh reforçou que o governo Dilma sempre seguiu o entendimendo do Tribunal de Contas da União (TCU). “A mudança do entendimento do TCU aconteceu em outubro de 2015, depois da emissão dos decretos”, lembrou. “E a legislação diz que a lei penal não retroagirará, salvo para beneficiar o réu. Quer dizer que a mudança da lei pode retroagir? O senhor confunde tudo.”

Às 19h, Reale Jr. decidiu deixar a Comissão Especial que analisa o impeachment no Senado sem ser questionado, alegando que já tinha vôo agendado. A decisão provocou reações dos senadores, que criticaram a falta de compromisso com a gravidade da crise política. “O senhor tem disposição para sugerir o impeachment, mas não para acompanhar o andamento do processo?”, chegou a questionar o senador Cristovam Buarque (PPS-DF).
“A exposição dos que vieram apresentar a denúncia é extremamente desqualificadora do processo”, avalia Gleisi Hoffmann. “Porque nem o professor Reale falou juridicamente, nem essa moça [Janaína Paschoal] está falando, está perdida, sem foco. E temos que ouvir isso, achar que é um processo de denúncia e não há qualificação por parte de quem está apresentando a denúncia.”

A senadora questionou diretamente a advogada: “Qual o crime de uma presidenta assinar um decreto e fazer um crédito suplementar, me diga, por favor? Sabendo que esse crédito suplementar não tem impacto no resultado primário, porque ele é orçamentário, e orçamento é regime de competência”.

O senador Telmário Mota (PDT-RR) perguntou se a advogada assinaria pedidos de impeachment contra os nomes de políticos que circulam em um governo golpista de Michel Temer. “Até o momento, não há que falar em pedido de impeachment para Temer”, respondeu Janaína Paschoal.

Para a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), a falta de isenção e respeito às regras de um julgamento justo ficam claras com o fato de o relator do processo ser o senador Antonio Anastasia (PSDB-MG). “Não pode um relator ser do partido que fez a denúncia, e o senhor é do PSDB, o partido que fez a denúncia”, sintetizou.

Por Camilo Toscano, da Agência PT de Notícias


Veja mais

Thumb vota  o pec

Bancada do PT vota contra a PEC do fim do mundo


Thumb 13b4a9ee 2741 4fd9 a6bc 25f4739b3c57

Assis Carvalho recebe título de cidadão parnaibano


Thumb assis e chioro 04 03

Assis volta a cobrar recursos para ampliar rede hospitalar no Piauí


Thumb 6c078062 425a 445b a640 4bc3feb421ef

Troca em Conselho de Ética gera críticas


Thumb dudu2

Denúncia

PMT destina apenas 0,08% de recursos para mulheres e juventude


Thumb assis oncologia

Assis articula projeto para fortalecer área de Oncologia no Piauí


Thumb thumbnail img 20160413 wa0101

Criado Núcleo Sindical pela Democracia e Contra o Golpe em Teresina


Thumb rosario1

Rosário Bezerra alerta sobre número crescente de estupros em Teresina


Thumb dep. flora

Deputada Flora acusa a istoÉ de fraudar foto da presidenta


Thumb 079a

Senadora Regina conclama a todos a defenderem a democracia


Thumb neuma e dep assis

Liberada emenda do deputado Assis para equipamentos para hospital de Pedro II


Thumb f bio 5   francisco costa  f bio novo e gil carlos

Fábio Novo reivindica melhorias para saúde de Bom Jesus, Corrente e São João do Piauí


Thumb rejane dias

Rejane Dias pede o apoio da Bancada Federal do Piauí contra o impeachment


Thumb rs casa da mulher

Regina Sousa garante continuidade da Casa da Mulher Brasileira na LDO 2017


Thumb reuni o bancada 28 06

Bancada do Piauí discute demandas para orçamento 2017


Thumb img 20160415 wa0201

Disposição para lutar marca o ato “Teresina pela democracia” realizado hoje na Câmara Municipal


Thumb senadora em esperantina

Vivemos a era dos escândalos movida por uma questão eleitoral,diz senadora


Thumb bb6e38de 6df5 4236 8289 debf600fd839

senadora diz que críticas à presidente Dilma mostram preconceito contra as mulheres


Thumb dep assis 01

Deputado pede a suspensão do processo pela falta de justa causa

Impeachment sem causa justa é golpe, diz Assis


Thumb 803718075 31583 2503917886880769903ed

Deputado e secretário buscam recursos para abastecimento de água no Piauí


Thumb midia ninja 780x440

Consultoria do Senado conclui que PEC 55 é inconstitucional


Thumb 798bd808 8424 4785 833f fce97ce95004

CMO aprova recursos para Bolsa Família e combate ao Zika vírus


Thumb 6c078062 425a 445b a640 4bc3feb421ef

Assis recorre de decisão sobre questão de ordem: sem crime não pode haver impeachment


Thumb 30519318103 5297188910 k 780x440

Senado aprova PEC 55 em 1º turno; Petistas criticam proposta


Thumb pec 55 segundo turno senado foto lulamarquesagenciapt 3 780x364

Nos 48 anos do AI-5, Senado rasga a Constituição e aprova PEC 55


Thumb teles stf

Senadores acionam o STF contra benefício bilionário às teles


Thumb bancada pi

Parlamentares se reúnem com Wellington Dias em Brasília

Bancada do Piauí debate ações prioritárias com governador


Thumb rs

Manifestações pró-impeachment acabam defendendo fim da Lava Jato, diz Regina Sousa


Thumb ros rio bezerra1

Câmara aprova Lei que reconhece utilidade pública de grupo que defende os direitos dos transexuais e travestis em Teresina


Thumb senadora regina estatais

Regina Sousa: Se não debater gênero na escola, vai discutir aonde?


Thumb foto al%c3%aa senadora escrevendo

A senadora Regina Sousa (PT-PI) está entre os cinco senadores mais votados na categoria melhores senadores do Prêmio Congresso em Foco 2017

Prêmio Congresso em Foco: Regina está entre os cinco mais votados


Thumb dep assis tanque

Tanque recebe unidade de saúde


Thumb 31465332005 da162e75ab h 780x440

PT e oposição defendem suspensão de votações até decisão final do STF


Thumb 25536328513 aedc3667c7 z

Regina Sousa: se não tem crime, impeachment é golpe sim


Thumb dep. assis c mara

“Quem quiser viajar de classe executiva que pague do próprio bolso”, diz Assis a ministro interino


Thumb plen%c3%a1rio.alessandro dantas

Agressão

Defender direitos humanos é atividade de risco no Brasil e no mundo


Thumb dsc 0183  1

Projeto quer gratuidade em estacionamentos de shoppings de Teresina


Thumb 02

Parlamentar

João de Deus faz balanço de sua atuação na Assembleia Legislativa


Thumb 011q

“Lula ousou ser o que não podia ser”, diz senadora Regina


Thumb luiza bairros 1207

NOTA Bancada do PT no Senado manifesta pesar pela morte da ex-ministra Luiza Bairros


Thumb 25536328513 aedc3667c7 z

Regina Sousa: casa de Heráclito, QG do golpe


Thumb dsc 0606

Alepi instala Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher


Thumb dep assis 1

Assis apresenta emendas para UESPI, UFPI e aeroportos


Thumb humberto

Datafolha

"Pesquisas explicam perseguição a Lula”, diz Humberto Costa


Thumb nota senadores gleisi

Bancada do PT no Senado manifesta solidariedade à senadora Gleisi e sua família


Thumb bancada do piau    28.06.16   m quina  43

Emendas da bancada do Piauí incluem duplicação de rodovias e Porto


Thumb transporte rural

Câmara Municipal realiza audiência para discutir plano do transporte da zona rural


Thumb senadora regina estatais

Lei das estatais é colocar raposa para tomar conta do galinheiro, diz senadora


Thumb 069q

“Estou aonde o PT está”, diz senadora Regina Sousa


Thumb unnamed  2

Parto normal no SUS será discutido em audiência pública na Câmara dos Deputados


Thumb 11013021 746569372124606 6595791622493770889 n

Senadora participa do Dia da Mulher na Penitenciária Feminina de Teresina


Thumb cbf 2

CBF confirma construção de centro esportivo com recursos do legado da Copa


Thumb dsc 0568

Rosário Bezerra indica vice-presidente da OAB para homenagem na Câmara


Thumb flora

Deputada solicita retomada de obras em rodovidas de Dirceu Acorverde


Thumb 25536328513 aedc3667c7 z

Regina Sousa critica erro do Planejamento na Comissão do Impeachment